Carlos Aragao

Rookie - 21 Points (10-17-1959 / Brazil)

Lentamente...


Lentamente se expande o coração,
Vai criando estrelas...
E do pó, criando vidas...

Lentamente se expande o coração,
Entre sonhos perdidos,
Vai gerando emoção...

Lentamente recria todas as almas,
Se torna outra vez criança,
Se transforma em esperança.

Lentamente se expande a emoção,
E recria o desejo,
Se perde em paixão.

Lentamente, mais que lentamente...
Se expande o coração.
Pulsa por passados não vividos,
Por amores perdidos...

Lentamente se faz único,
Se perde por caminhos conhecidos,
Se permite prazeres proibidos...

Lentamente, casualmente,
Se entrega o coração...
Entre gemidos de prazer,
Na certeza de pertencer...

Lentamente, num furor,
Ansioso se põem o coração,
Tem pressa agora, já não sente dor...

Rapidamente se enternece o coração,
E com pressa,
Se entrega ao amor e a paixão...

Um dia de chuva...
Uma manha de sol...
Não importa.
Lentamente se entregou o coração...

Submitted: Tuesday, March 19, 2013

Do you like this poem?
0 person liked.
0 person did not like.

Form:


Read this poem in other languages

This poem has not been translated into any other language yet.

I would like to translate this poem »

word flags

What do you think this poem is about?

Comments about this poem (Lentamente... by Carlos Aragao )

There is no comment submitted by members..

Famous Poems

  1. Phenomenal Woman
    Maya Angelou
  2. Still I Rise
    Maya Angelou
  3. The Road Not Taken
    Robert Frost
  4. If You Forget Me
    Pablo Neruda
  5. Dreams
    Langston Hughes
  6. Annabel Lee
    Edgar Allan Poe
  7. Caged Bird
    Maya Angelou
  8. If
    Rudyard Kipling
  9. Stopping by Woods on a Snowy Evening
    Robert Frost
  10. A Dream Within A Dream
    Edgar Allan Poe
Trending Poets
Trending Poems
  1. The Road Not Taken, Robert Frost
  2. Still I Rise, Maya Angelou
  3. Phenomenal Woman, Maya Angelou
  4. Dreams, Langston Hughes
  5. If, Rudyard Kipling
  6. A Dream Within A Dream, Edgar Allan Poe
  7. Invictus, William Ernest Henley
  8. Nothing Gold Can Stay, Robert Frost
  9. Caged Bird, Maya Angelou
  10. Stopping by Woods on a Snowy Evening, Robert Frost
[Hata Bildir]